Todos os posts de Olinda Dicas

O Festival Mimo vai encerrar 2017 em Olinda, entre os dias 17 e 19 de novembro

A organização do festival Mimo anunciou, na tarde desta quarta-feira, a programação completa da edição 2017 do evento. Nascido em Olinda – e que, crescendo, consolidou-se também em Ouro Preto, Rio de Janeiro, Paraty e até em Amarante, cidade portuguesa -, o Mimo traz este ano para sua terra natal dois músicos pernambucanos como destaques: Otto e Zé Manoel.

O Mimo vai encerrar 2017 em Olinda, entre os dias 17 e 19 de novembro. Além dos shows a céu aberto e dos concertos que ocorrem nas igrejas da cidade histórica, o evento integra também workshops, programação poética, fórum de ideias e o Prêmio MIMO Instrumental.

No início de setembro já havia sido anunciado o nome do músico e cineasta Emir Kusturica, além do coletivo colombiano Ondatrópica, do malinês Vieux Farka Touré e do violinista francês Didier Lockwood.

Confira abaixo a programação completa:

Sexta:
Laura Perrudin (França), 19h, Convento de São Francisco
Didier Lockwood (França), 20h30, Igreja da Sé
DJ Montano, 21h, Praça do Carmo
Paulo Flores (Angola), 22h, Praça do Carmo
Ondatrópica (Colômbia), 23h45, Praça do Carmo

Sábado:
Eduardo Neves e Rogério Caetano (Brasil), 16h, Igreja da Misericórdia
Salomão Soares (vencedor do Prêmio MIMO Instrumental), 17h30, Igreja de Nª Sª do Carmo
Zé Manoel, 19h, Igreja de Nª Sª do Carmo
Rajery, Ballaké Sissoko & Driss El Maloumi (Madagascar, Mali e Marrocos), 20h30, Igreja da Sé
DJ Montano, 21h, Palco Praça do Carmo
Vieux Farka Touré (Mali), 22h, Palco Praça do Carmo
Emir Kusturika & The No Smoking Orchestra, 23h45, Palco Praça do Carmo

Domingo:
Manoel Cruz (Portugal), 16h30, Praça do Carmo
Konono (Congo), 18h, Praça do Carmo
Otto (Brasil), 19h30, Praça do Carmo

 

Padaria PanJovem comemora 33 anos de mercado com várias novidades.

Ampla reforma estrutural e lançamento de menu FIT estão entre os destaques

Localizada em um trecho do Recife que respira bem-estar e saúde, a Padaria Panjovem, com 33 anos na Jaqueira, está recheada de novidades. Após dois anos em um projeto de super reestruturação, a casa de Juliana e Riva Wolfenson, está de visual novo e, claro, pedidas reformuladas no menu. Além da mercearia com bolos, massas, pães e pequenas utilidades tradicionais para dar sabor ao dia a dia, o selo lança menu FIT em sintonia com a consultoria da chef Taciana Teti. Na parte do café da manhã ou mesmo lanche, anota-se espetinho de frutas com mel e granola (R$8,50), french toast integral e geleia de frutas vermelhas (R$9,50), omelete de queijo com espinafre (R$9,90), mini pão de queijo FIT com grãos (R$8,90 = 6 unidades), quiche de grão de bico com alho poró (R$7,90), coxinha de frango e manteiga ghee com massa de batata doce e mix de grãos (R$8,50), coxinha de charque e queijo coalho com massa de macaxeira (R$6,50), cubinhos de tapioca e queijo com redução de maracujá picante (R$15,90 = 6 unidades). 

Na ala de saladas, destaque para a Pernambucana, que envolve folhas selecionadas, feijão verde, charque crocante, queijo coalho, pickles de cebola e jerimum assado (R$24,90), assim como Quinoa e Camarão, através de folhas especiais, quinoa, camarão grelhado e confete de legumes (R$25,90), e a Massa Curta Ao Pesto. Em tradução, folhas, massa integral, molho pesto, frango grelhado, tomates confitados e castanhas (R$23,90). “Ao desenvolver essas pedidas, a principal ideia foi apostar em algo não tão restritivo para que o cliente pudesse escolher diariamente, de forma saudável, mas sem tantas privações. Não o bastante, tivemos todo o cuidado para prezar pelo sabor. Não adianta tirar o glúten, a lactose e deixar o produto sem apelos alegóricos ao paladar”, destaca Taci Teti. 

As crepiocas com gergelim também são boas novas. Entre as pedidas, Peito de peru defumado e gorgonzola (R$17,90), Filé mignon com queijo e tomate seco (R$19,90), e Frango com iogurte e ervas frescas (R$16,90). Por último, porém não menos importante, as sobremesas, incluindo Muffin de banana e aveia sem lactose (R$7,90), Brownie FIT (R$10,90), Cubinhos de tapioca com coco, goiabada e sorvete de creme (R$17,90 = 6 unidades). Sucos como Verde (R$8,50), Melancia com limão e gengibre (R$7,90), Manga com tangerina (R$7,90) e Laranja, morango e hortelã (R$9,90) poderão acompanhar as delícias do menu. Variantes de chás e cafés são outras apostas líquidas da PanJovem. 

Detalhes da reforma – O selo também investiu em mudanças expressivas no setor de produção, envolvendo pastelaria, panificação, confeitaria, embalagem, corte de carnes e verduras, incluindo a proposta de visitas guiadas uma vez por mês para que o cliente possa acompanhar o dia a dia e a qualidade dos processos criativos da Padaria. Outro ponto forte é que a PanJovem será a primeira casa no segmento, no Recife, com acessibilidade total, desde a calçada ao elevador especial para cadeirantes. “Recebemos cerca de 900 pessoas, por dia, entre clientes e passantes, que circulam desde 6h para o café da manhã até o almoço e jantar, nas mais diversas faixas etárias. Queremos oferecer praticidade e variedade para todos, inclusive os pequeninos que poderão desfrutar de espaço kids na nova empreitada”, pontua a empresária Riva Wolfenson. 

via: Made Assessoria de Moda e Comunicação
@madeassessoria

Olinda tera 1º Festival de Tapioca em Novembro.

tapioca
Via Pref. de Olinda.

A Tapioca é uma iguaria que pode ser doce ou salgada, é pedida no café, almoço, lanche ou jantar, seja qual for a ocasião, a tapioca, prato tipicamente pernambucano, agrada a maioria dos paladares local, nacional e até internacional. A tapioca e a raiz da qual é extraída, mandioca, serão homenageadas em Olinda. O município vai sediar o 1º Festival da Tapioca nos dias 3, 4 e 5 de novembro. O evento é uma parceria da Secretaria de Turismo, Desenvolvimento Econômico e Tecnologia com o Sebrae e tem objetivo de valorizar  a gastronomia regional e incentivar o fortalecimento da cadeia produtiva da mandioca.

Com 11 anos carregando o título de Patrimônio Imaterial e Cultural da Cidade – concedido pelo Conselho de Preservação do Sítio Histórico de Olinda- a tapioca será a principal atração do evento que vai ocorrer em dois pontos tradicionais da cidade: Carmo e Alto da Sé.

A programação será das 15 às 23h e contará com feira de artesanato, agricultura familiar, feira orgânica e de empreendedorismo, na Praça do Carmo. Além disso, quem for ao o local pode apreciar as comidas típicas na praça de alimentação. O público também pode curtir apresentações de músicas regionais no palco que será montado também no Carmo.

No Alto da Sé, as pessoas poderão apreciar atrações, das 17 às 20h, com aulas shows e oficinas, onde chefes de cozinha vão ensinar a fazer tapiocas. No espaço haverá, ainda, degustação e comercialização do produto, e apresentações culturais.

O 1º Festival da Tapioca de Olinda vai oferecer, também, palestras gratuitas, no auditório da Focca. No dia 3 de novembro o tema será valorização da gastronomia regional, das 14 às 16h, em seguida terá palestra sobre negócios da agricultura familiar, das 16 às 18h. Já no sábado dia 4, será ministrada, das 14 às 16h, a palestra: A Caipirinha é Nossa! E das 16 às 18h terá palestra intitulada: Siga o Aroma de um Café Especial.

A culinária vai ser testada nos concursos realizados entre as tapioqueiras como “A melhor Tapioca”, “A Tapioca mais rápida”, “A melhor inovação em recheios”, “Miss Tapioca”, entre outras.

Fonte: Prefeitura de Olinda – Secretaria de Turismo.

Festival de soda italiana no Café Zoco.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Festival de Soda Italiana ganha sua primeira edição

Zoco Café, em Olinda, apresenta uma mostra inédita da bebida refrescante, sensação das estações mais quentes, ficando em cartaz entre 03 e 14/10

Com a chegada das temperaturas mais quentes, o Zoco Café & Delícias, em Olinda, resolveu criar um inédito Festival de Soda Italiana, já que a bebida é super refrescante, colorida e saborosa. A primeira edição da mostra fica em cartaz entre os dias 03 e 14 de outubro, sempre das 16h às 21h, de terça a sábado. Ao todo, serão quatro sabores, oferecidas em apresentação diferente dos sabores padrão da casa: virão em uma caneca maior, de 450ml, e todas terão muito hortelã e decoração com limão siciliano e cereja.

Segundo a proprietária do local, Danielle Leal, a ideia de realizar o festival exclusivo de soda italiana, surgiu com esse atual clima de calor, quando todo mundo quer se refrescar. “Então, apostamos em sodas bem refrescantes e que saem do lugar comum, com combinações diferentes e apresentação com muita cor”, conta. Entre os sabores coloridos, destaque para o “Verão”, feito com soda de romão e limão siciliano e refrigerante de limão.

As outras opções são a “Radiante”, soda de hibisco e mirtilo com refrigerante de limão e mirtilos congelados; “Solar”, soda de maracujá com hortelã”; e “Vibrante”, soda de kiwi com morangos congelados. Cada uma vai custar R$ 12,50 e estarão disponíveis no cardápio do Zoco Café & Delícias apenas durante o período do festival. O espaço fica na avenida Carlos de Lima Cavalcanti, nº 1828, Casa Caiada, atrás da Praça da Bíblia. Mais informações: (81) 98190.2778 e cafezoco@gmail.com.

 

SOBRE O ZOCO – Um lugar que oferece aquela sensação de poder tomar um café ao ar livre, no quintal de casa. Essa é a proposta da ZocoCafé & Delícias, idealizado pelo casal de empresários Danielle Leal e Rodrigo Gonçalves, que criaram o termo “café jardim” para descrever o local. Florescendo em Olinda desde março de 2016, o cardápio do lugar é regado  com muito café, chocolate, quitutes, comidinhas charmosas e opções saudáveis.

Seu nome vem inspirado na tradução da palavra árabe souk, usada para designar mercado ou feira periódica onde se vende de tudo. E seu menu vem nessa ideia, com um pouquinho de várias delícias para agradar todos os gostos. Na lista, massas artesanais, sopas, sucos, vinho, cafés especiais, chocolate quente, bolinhos da casa, brownies, crepiocas e sandubas. Todos os sabores do Zoco podem ser degustados numa área interna climatizada ou no seu jardim externo, com capacidade total para cerca de 30 pessoas.

 

RofrigoGonçalves_DanielleLeal_FOTO_DivulgaçãoMaíraPassos
Via: ASCOMMP assessoria.

SABORES DO FESTIVAL DE SODA ITALIANA

Verão: Soda de romã e limão siciliano com refrigerante de limão

Radiante: Soda de hibisco e mirtilo com refrigerante de limão e mirtilos congelados

Solar: Soda de maracujá com hortelã

Vibrante: Soda de kiwi com morangos congelados


SERVIÇO | FESTIVAL DE SODA ITALIANA

Quando: entre 03 e 14 de outubro de 2017.

Horário: das 16h às 21h, de terça a sábado.

Local: Av. Carlos de Lima Cavalcanti, nº 1828, Casa Caiada (atrás da Praça da Bíblia), Olinda – PE.

Informações: (81) 98190.2778 e cafezoco@gmail.com

https://www.instagram.com/cafezoco/

https://www.facebook.com/cafezoco

Via: ASCOMMP Assessoria.

 

Igreja de São Pedro Apóstolo

A construção da Igreja de São Pedro Apóstolo foi posterior à Restauração Pernambucana, na segunda metade do século XVIII. Contudo, a instalação de sua irmandade na cidade de Olinda é anterior à construção de sua igreja, datando de 1711.

Inicialmente, a irmandade de São Pedro Apóstolo se instalou na Matriz de São Pedro Mártir, na Ribeira, passando depois para a Igreja São Pedro Apóstolo, quando o outro templo ruiu no começo do século. Sua fachada é composta por uma porta que é alcançada por uma pequena escadaria e por duas janelas na parte superior, ladeando um brasão simbolizando São Pedro.

A Igreja de São Pedro Apóstolo tem torre única. Seu interior é simples, tendo também nave única, dois altares laterais com nicho e imagens de Nossa Senhora da Conceição e Cristo Crucificado. No nicho do altar-mor, existe uma imagem de cristo com um cálice, no alto da escadaria, protegido por anjos da guarda.

 

Localização: Praça Conselheiro João Alfredo, s/n – Carmo.

Fone: (81) 3429.3156

Visitação: quinta-feira, das 9h às 12h.

Missas: em horários variados nos domingos, quartas, quintas, sextas e sábados.

 

Jornalista Francisco José é o homenageado do Galo da Madrugada 2018

O jornalista Francisco José, da TV Globo, é o homenageado de 2018 do Galo da Madrugada. O jornalista comemora 40 anos cobrindo os desfiles do bloco, que tem a mesma idade.

Outra proposta deste ano é relembrar os carnavais passados e grandes compositores de frevo. Para isso, será lançado um CD comemorativo com artistas convidados, dois livros, uma exposição itinerante e um documentário.

Na festa de quatro décadas do Galo, Francisco José será o homenageado especial pela passagem de 40 anos de cobertura dos desfiles do bloco, que saiu pela primeira vez em 1978. Na época, foram 75 foliões, animados por uma orquestra composta por 22 músicos. Nos últimos anos, o bloco vem arrastando mais de 1 milhão de pessoas.

Na coletiva, os organizadores do desfile do Galo também anunciaram o tema da folia no ano que vem: ‘Galo, 40 anos promovendo o folclore e a cultura de Pernambuco’. A festa acontece no Sábado de Zé Pereira, dia 10 de fevereiro, na região central da capital pernambucana.